Hemopasso chama doadores para período pós carnaval

Estoques estão dentro do esperado, mas preocupação é com a manutenção de bons níveis depois da folia

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

O Hemopasso teve um grande salto na captação de sangue nas últimas semanas. Solidarizada com a tragédia ocorrida em Santa Maria, a população ajudou da forma que podia estando longe: doando sangue. Conforme o diretor do Hemocentro regional, Jaderson Pires, a captação pulou de 40 doadores para 60 desde que houve o acidente.

Apesar de ter colaborado enviando bolsas de sangue para Santa Maria, o Hemopasso está mantendo os estoques em bom nível, o que garante o abastecimento para o carnaval, período em que historicamente existe uma maior demanda por sangue e hemoderivados. Entretanto, a preocupação é com o período depois do carnaval.

Nos dias de folia, costuma ser bastante pequena a procura por parte dos doadores. Além disso, o consumo de bebidas alcoólicas aumenta neste período e inviabiliza a doação, pois não se pode doar sangue se tiver ingerido bebidas alcoólicas 12 horas antes da doação. “Como teremos essa lacuna no feriado, queremos chamar a população para que venha fazer doação de sangue na Quarta-feira de Cinzas (13) e na quinta-feira (14)”, salienta o diretor. O objetivo é manter os estoques em um nível satisfatório.

Quem pode doar
Pessoas com idade entre 18 anos completos e 67 anos. Podem ser aceitos candidatos à doação de sangue com idade de 16 e 17 anos, com o consentimento formal do responsável legal. E, em caso de necessidades tecnicamente justificáveis, o candidato cuja idade seja inferior a 16 anos ou superior a 68 anos somente poderá ser aceito após análise pelo médico do serviço de hemoterapia. É necessário ter peso mínimo de 50 quilos e apresentar documento com foto, válido em todo território nacional.

Recomendações para o dia da doação
- Nunca vá doar sangue em jejum
- Fazer um repouso mínimo de 6 horas na noite anterior a doação
- Não ingerir bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores
- Evitar fumar por pelo menos 2 horas antes da doação
- Evitar alimentos gordurosos nas 3 horas antecedentes a doação
- Interromper as atividades por 12 horas as pessoas que exercem profissões como: pilotar avião ou helicóptero, conduzir ônibus ou caminhões de grande porte, subir em andaimes e praticar pára-quedismo ou mergulho.

Quem não pode doar?
- Quem teve diagnóstico de hepatite após os 10 anos de idade
- Mulheres grávidas ou amamentando
- Pessoas que estão expostas a doenças transmissíveis pelo sangue como aids, hepatite, sífilis e doença de chagas
- Usuários de drogas
- Aqueles que tiveram relacionamento sexual com parceiro desconhecido ou eventual, sem uso de preservativos.

Gostou? Compartilhe