Seis escolas municipais retomarão atividades presenciais na segunda-feira

Escolas entrarão em contato com as famílias para orientações

Por
· 1 min de leitura
As atividades em sala de aula serão retomadas de forma gradual (Foto: Arquivo/Divugação/PMPF)As atividades em sala de aula serão retomadas de forma gradual (Foto: Arquivo/Divugação/PMPF)
As atividades em sala de aula serão retomadas de forma gradual (Foto: Arquivo/Divugação/PMPF)
Você prefere ouvir essa matéria?

A retomada das aulas presenciais das escolas municipais de Passo Fundo será escalonada. A Secretaria de Educação divulgou, nesta sexta-feira (30), as escolas de Educação Infantil que retomarão as atividades na segunda-feira (3). As seis escolas contemplam a etapa pré-escola (4 e 5 anos):

  • André Zaffari
  • Maria Elisabeth
  • Vovó Nelly
  • José Laudário Haupenthal
  • Raio de Luz
  • Menino Deus/ Professor Bandana


Nas próximas semanas, será apresentado o cronograma das demais instituições e também do Ensino Fundamental. As atividades em sala de aula serão retomadas de forma gradual, em sistema híbrido, mesclando atividades presenciais e à distância. Neste primeiro momento, retornarão somente alunos do pré I e do pré II da Educação Infantil e dos primeiros e segundos anos do Ensino Fundamental. Posteriormente, haverá o retorno dos demais anos.

As atividades ocorrerão com apenas 25% dos estudantes por turma. Isso significa que, em uma sala, haverá, no máximo, cinco crianças e um professor, com distanciamento e protocolos de segurança. “Estamos tomando medidas pautadas nos protocolos de segurança vigentes para proteção de crianças, professores e funcionários. É uma retomada gradual, que será constantemente avaliada e monitorada pela Prefeitura”, observou o secretário de Educação, Adriano Canabarro Teixeira. Nos demais dias da semana, eles continuarão realizando as atividades pela plataforma Google Workspace.

O secretário enfatiza que os pais devem aguardar o contato das escolas, que tiveram o cronograma previamente apresentado e orientarão as famílias sobre as aulas presenciais. “Até lá, as atividades seguem no mesmo padrão que vem sendo executado até agora, pela plataforma virtual”, destaca.

Ainda conforme Adriano, os alunos não serão obrigados a comparecer nas escolas, podendo seguir somente no ensino remoto. “A decisão de levar ou não a criança para a escola é das famílias. Nós estamos com as escolas preparadas e os professores e servidores orientados quanto aos cuidados necessários, mas também temos de levar em consideração que este é um momento de insegurança para muitos pais”, declara.

Gostou? Compartilhe