Perfis dos candidatos Pedro Almeida e João Pedro Nunes

Por
· 2 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

PEDRO ALMEIDA


Pedro Almeida tem 42 anos e é natural de Passo Fundo. Administrador por formação, tem experiência na gestão pública e esteve ao lado do prefeito Luciano desde 2013.

Frequentou as escolas Nicolau de Araújo Vergueiro e Protásio Alves, locais que marcaram sua infância e juventude. Começou a trabalhar bem cedo, ao lado de seu pai, o Moa, que teve um armazém durante 20 anos na Rua Morom, administrado sempre pela família simples, batalhadora e unida. Depois, buscou trilhar seu próprio caminho. Criou a própria empresa de publicidade e áudio, aqui na cidade, onde atuou 10 anos até chegar a prefeitura.

Foi secretário de Gestão de Passo Fundo, função que exigia cargo técnico. Mesmo sem nunca ter concorrido a nada e nem ser filiado a nenhum partido político, ingressou na gestão da prefeitura, onde também foi secretário de Cultura.

Nos últimos anos, a busca por novos aprendizados o levou para uma especialização em Gestão Pública.



JOÃO PEDRO NUNES



João Pedro Nunes tem 54 anos e é natural de Passo Fundo. Formado em Gestão Pública, tem larga trajetória na política, já foi vereador, secretário municipal e vice-prefeito de Passo Fundo ao lado de Luciano Azevedo. É casado há 35 anos e pai de três filhos.

Filho de João Rodrigues Nunes e Otilia Souza Nunes, cresceu na Vila Luíza e teve sua formação nas escolas Antonino Xavier e Nicolau de Araújo Vergueiro. A caminhada comunitária iniciou com o trabalho social na Pastoral da Juventude a partir dos seus 15 anos, como coordenador na região de Passo Fundo com grupos de jovens em 12 paróquias. Algum tempo depois, aos 18 anos, ingressou na Assistência Social Arquidiocesana Leão XIII para fazer um trabalho nos bairros mais carentes, entidade que permaneceu por uma década e meia.

Em 1997, assumiu a Secretaria Municipal da Criança e Ação Social (atual Secretaria de Cidadania e Assistência Social – Semcas), participando ativamente da construção de inúmeros programas em prol de crianças, adolescentes, idosos e pessoas com deficiência. Também foi presidente da Associação de Secretários de Assistência Social da região de Passo Fundo e vice-presidente do Conselho Municipal de Saúde.

Foi eleito vereador em 2000, com 1.799 votos. Cumpriu ainda mais dois mandatos no Legislativo, de 2009 a 2012 e de 2013 a 2016. Durante a pausa na Câmara, entre 2003 e 2004, assumiu novamente a Secretaria Municipal da Criança e Ação Social. Em 2005, ingressou na Emater – RS, onde atuou como conselheiro estadual de Saúde.

Em 2016, foi eleito vice-prefeito de Passo Fundo ao lado do prefeito Luciano Azevedo com 85.505 votos, a maior aprovação histórica da cidade, com a confiança de mais de 76% da população.


* Textos encaminhados pelas assessorias dos candidatos

Gostou? Compartilhe