Taxista é ameaçado de morte em assalto

Por
· 1 min de leitura
 Crédito:  Crédito:
Crédito:
Você prefere ouvir essa matéria?

Um taxista de 30 anos foi ameaçado de morte durante assalto pouco depois da meia-noite desta sexta-feira (27), em Passo Fundo. Segundo o Boletim de Ocorrências, o assaltante colocou uma faca em seu pescoço e barriga e disse que se o reconhecesse iria matá-lo.


De acordo com o Boletim de Ocorrências, o taxista estava na fila dos taxis na Estação Rodoviária de Passo Fundo quando chegou ao local um indivíduo alto, forte, moreno e de cabelo calvo que pediu uma corrida para o bairro Petrópolis, próximo a Havan.


O motorista seguiu com o passageiro, até que o acusado retirou duas facas da cintura, colocando uma no pescoço do taxista e outra na barriga. Ele pediu que o motorista dirigisse em direção ao parque Wolmar salton.


Ainda conforme o registro, o motorista obedeceu ao acusado, indo pela BR 285, entrando no parque. Cerca de dois quilômetros após passar pelo parque o acusado pediu que o taxista fizesse o retorno e parasse o carro.


Ali o taxista teve que descer do veículo e ficar de joelhos. O acusado, segundo o Boletim de Ocorrências, colocou novamente a faca no pescoço do motorista e disse que o mataria, mas desistiu. Ele teria dito ainda que se a vítima o reconhecesse ele voltaria na rodoviária e o mataria.


O acusado foi embora com o veículo, um Chevrolet Cruze, placas ITZ 6B19, de Passo Fundo, e a vítima buscou auxílio no acampamento dos indígenas.


Além do veiculo foi levado o celular pessoal, do serviço, carteira com documentos, cerca de R$ 300 e máquina para cartões.

Gostou? Compartilhe