DANO: PT divulga nota sobre destruição de outdoor com imagem de Lula

Por
· 2 min de leitura
Luciano Breitkreitz/ON Luciano Breitkreitz/ON
Luciano Breitkreitz/ON
Você prefere ouvir essa matéria?

O Partido dos Trabalhadores de Passo Fundo publicou uma nota de repúdio contra a destruição de um outdoor que estampava a imagem do ex-presidente Lula com a frase “Lula inocente! Brasil feliz de novo”, instalado na BR 285, em frente a Universidade de Passo Fundo. Imagens que circularam pelas redes sociais mostram um grupo de pessoas no local utilizando uma motosserra para destruir a estrutura. O fato ocorreu no domingo à noite. Segundo a nota, o espaço havia sido comercializado por um Coletivo chamado Anula STF.  

Conforme informações do partido, um integrante do Coletivo contratou uma agência de publicidade de Santa Catarina e pagou R$ 1.084. O contrato de veiculação era de 15 a 28 de março. Além de Passo Fundo, outros seis outdoors, com o mesmo conteúdo, foram instalados nas cidades de Porto Alegre, Canoas, São Leopoldo, Gravataí, São Francisco de Paula, Caxias do Sul e  Montenegro. Em São Francisco, a estrutura foi parcialmente queimada na sexta-feira à noite.

“ A estrutura está naquele local há um bom tempo, e não foi colocada nesse momento”, diz um representante do partido, se referindo ao outdoor destruído em Passo Fundo. O Coletivo pretendia registrar um Boletim de Ocorrência sobre o fato.

Investigação

 Segundo o delegado Murilo Gambini Junchem, plantonista da Delegacia de Polícia de Pronto atendimento de Passo Fundo, o caso trata-se de uma ação penal privada, sendo necessária a representação da vítima para iniciar as investigações.Segundo ele, a  polícia está averiguando quem é o proprietário do terreno para que ele possa representar, e posteriormente, identificar os autores, pois previamente se trata de um delito de dano.

Conforme Murilo, a Polícia Rodoviária Federal foi informada sobre o fato no domingo à noite, mas quando chegou ao local, os autores já haviam saído. Os patrulheiros registraram uma ocorrência de dano.

Outra versão

Além da ocorrência da PRF, o delegado confirmou o registro de outro Boletim de Ocorrência feito através da delegacia online. Sem revelar o conteúdo, disse se tratar da instalação de um outdoor de maneira clandestina em um terreno particular. O policial ainda não havia constatado se ambas ocorrências dizem respeito ao mesmo fato.

“Nós ainda não averiguamos se é o mesmo outdoor do fato de ontem  (domingo). Desta forma, os BOs serão encaminhados para a 2ª Delegacia de Polícia, que irá encontrar a vítima, e o proprietário do outdoor, para saber se ele tem interesse na representação da investigação. A partir disso, será   feita a investigação para identificar os envolvidos”.

A reportagem tentou contato com a empresa de Porto Alegre, responsável pela locação dos terrenos para instalação dos outdoors, mas não obteve retorno.

 


Gostou? Compartilhe