Assaltantes mortos pela BM roubaram R$ 200 mil em joias e dinheiro

A Brigada Militar divulgou o balanço dos objetos que estavam com os assaltantes no momento do confronto, que aconteceu ontem (16), no centro de Passo Fundo

Por
· 1 min de leitura
Divulgação/BMDivulgação/BM
Divulgação/BM
Você prefere ouvir essa matéria?

Neste sábado (17), a Brigada Militar divulgou de forma oficial a quantidade e valor dos objetos que estavam em posse dos dois assaltantes no momento do confronto com os policiais, no final da tarde de sexta-feira (16), no centro de Passo Fundo. Segundo a nota da BM, após ação conjunta entre as agências de inteligência do 3º BPChq e do 3º RPMon, os policiais militares do 3º Batalhão de Polícia de Choque interviram no roubo a uma joalheria.

Por volta das 17h30min os policiais militares tomaram conhecimento de um roubo em andamento em uma joalheria localizada na Avenida Brasil. Ao sair do estabelecimento, os criminosos se depararam com a guarnição do 3º BPChq e tentaram retornar ao interior da joalheria, não obtendo êxito efetuaram disparos de arma de fogo contra a guarnição. Os policiais revidaram até cessar a agressão. Os dois indivíduos foram alvejados, sendo socorridos ao Hospital São Vicente de Paulo, mas não resistiram vindo a óbito. Nenhum policial ficou ferido durante a ação.

Material apreendido: um revólver Colt calibre 32; um revólver Taurus calibre 32; três munições intactas; oito cartuchos deflagrados; R$ 7.597,00 em moeda corrente; correntes de ouro pesando 308 gramas; 190 anéis de ouro; 47 relógios de pulso; cinco bombas de chimarrão de ouro e prata; três pares de brincos de ouro; um par de brincos de pérolas; duas pulseiras de ouro; uma pulseira de prata, duas alianças de prata; uma caixa com pulseiras diversas; um cheque no valor de R$ 300,00; e roupas e bolsas utilizadas no roubo. Material apreendido avaliado em mais de 200 mil reais.

Gostou? Compartilhe