Cuidados com o estoma intestinal

Chimarrão Científico foi realizado pela primeira vez no interior do estado

Por
· 1 min de leitura
 Crédito:  Crédito:
Crédito:
Você prefere ouvir essa matéria?

O 1º Chimarrão Científico do interior do estado foi realizado na última terça-feira, 10 de setembro, no Anfiteatro do Campus II da Universidade de Passo Fundo com o tema “Cuidados às Pessoas com Estoma Intestinal”. O evento foi promovido pela Sociedade Brasileira de Estomaterapia (Sobest) com apoio do Hospital São Vicente de Paulo, de Passo Fundo, Curso de Enfermagem da UPF, Associação Brasileira de Enfermagem (ABEn) e Proctoclin. Com uma programação voltada para a integração de profissionais de saúde, o evento possibilitou o diálogo e troca de saberes a respeito da importância do trabalho em equipe na prevenção e tratamento da doença e cuidados aos pacientes com estomias.

 

Prevenção do câncer colorretal
De acordo com a Coordenadora do evento e enfermeira estomaterapeuta do Hospital São Vicente, Simone Araújo, é muito importante e um orgulho trazer esse evento para Passo Fundo. “Pensando na questão da prevenção do câncer colorretal, sua importância, pois quando a gente faz esse trabalho, evitamos transtornos. Além disso, o evento trouxe a questão da preocupação com complicações, quando o paciente é submetido a uma estomia. Se o paciente não tiver um tratamento, um cuidado adequado, acaba sofrendo muito, porque uma estomia traz uma mudança no convívio familiar, na autoestima”, avalia Simone.

 

Prevenção
A estomaterapeuta enaltece ainda que, melhorar essas questões, ao fazer a abordagem com esse paciente em relação à prevenção e, também, quando for necessário ser submetido a um estoma, que seja feito dentro das características normais. “Fazer uma orientação pré-operatória desse paciente e uma demarcação, já que isso vai facilitar muito a utilização da bolsa de estomia, pois quando a bolsa está colocada em local inadequado, o paciente tem muitos transtornos”, explica a profissional, salientando ainda que “um preparo pré-operatório com a demarcação e depois pensar no cuidado desse paciente para que não venha ter complicações e consiga se adaptar da melhor forma possível na nova condição de vida”, relatou. Em relação aos planos futuros, a enfermeira revela que existe a ideia de planejar outros eventos relacionados ao tema. “A Estomaterapia cuida de três áreas que é a estoma, feridas e incontinências urinária. Primeiro estamos fazendo de estoma, pois já se fala no Setembro Verde, que é a prevenção do Câncer Colorretal, mas pensamos em realizar eventos sobre os outros assuntos também”, afirma Simone.

 

Gostou? Compartilhe