André Kuhn destaca plano de ação na SBCJ

Médico de Passo Fundo assume a presidência da Sociedade Brasileira de Cirurgia de Joelho

Por
· 2 min de leitura
Kuhn: ?EURoerepresentar o Rio Grande do Sul é colher os frutos de muito empenho, dedicação e trabalho?EUR?Kuhn: ?EURoerepresentar o Rio Grande do Sul é colher os frutos de muito empenho, dedicação e trabalho?EUR?
Kuhn: ?EURoerepresentar o Rio Grande do Sul é colher os frutos de muito empenho, dedicação e trabalho?EUR?
Você prefere ouvir essa matéria?

O ortopedista, Dr. André Kuhn, preceptor da Residência Médica do IOT-HSVP, assume em janeiro a diretoria da Sociedade Brasileira de Cirurgia do Joelho (SBCJ). Empossado em 14 de novembro em ato simbólico, o médico comenta a responsabilidade de ser presidente do que hoje é o maior Comitê de Subespecialidade da Sociedade Brasileira de Ortopedia. “Ser presidente da SBCJ é uma honra, um orgulho com uma enorme responsabilidade. Representar o Rio Grande do Sul na presidência, vindo de uma cidade do interior, é colher os frutos de muito empenho, dedicação e trabalho”, destaca o médico. Mesmo com todas as tarefas frente à presidência da SBCJ, o especialista vai manter normalmente suas atividades como ortopedista do IOT, o que, de acordo com ele, será um desafio muito bem-vindo “Conciliar o trabalho com a participação na diretoria da SBCJ exige disciplina, organização e muita resiliência para ter disposição para o dia a dia e conciliar vida profissional, pessoal, familiar e viagens”, diz.

Cursos e treinamentos
Entre os planos para sua gestão na SBCJ, em 2020, além de dar continuidade aos trabalhos da diretoria atual, está a organização de cursos de treinamento em cirurgia do joelho e a promoção de atividades de educação continuada, com aulas em São Paulo, para médicos em formação e membros da SBCJ. Ele também vai manter os atuais programas e convênios com serviços fora do Brasil. André Kuhn já passou 11 anos na diretoria da SBCJ, em diversas funções, e se orgulha do trabalho que realiza junto aos colegas, como a criação da Comissão de Ensino e Treinamento (CET). “Entrei na SBCJ na Assembleia do Congresso de 2006, como delegado Regional Sul para a gestão 2007/2008, do Dr. Rogério Fuchs. Fui convidado e indicado para ser o representante da região Sul na Diretoria 2009/2010 da Dra. Márcia Uchôa de Rezende. Passei por vários cargos e em 2015 ajudei a Diretoria a criar a CET-SBCJ para organizar a prova de admissão dos novos membros, assumindo sua presidência por quatro anos”, revela.

História
André Kuhn cursou a faculdade de Medicina da UPF e não pensava em seguir na Ortopedia. “Por convite de um colega de apartamento que era meu ‘bixo’ na faculdade iniciei estágio na Ortopedia nas férias do segundo ano da faculdade. O clima do IOT me encantou e o aprendizado durante o estágio me apaixonou pela Ortopedia”, revela. Ele destaca que profissionais do IOT como o Dr. José Idílio Saggin, Dr. Tercildo Knop, Dr. Osvandré Lech e Dr. Fernando Lauda foram sua inspiração e influência para seguir na área. No segundo ano da residência, o ortopedista realizou um estágio na subespecialidade de joelho, acompanhando o Dr. João Fernando Argento Pozzi, em Porto Alegre. “Fiquei entusiasmado com a subespecialidade e tive todo o apoio do Dr. José Idílio Saggin que me ajudou muito através do Dr. Pozzi a conseguir ir para Lyon no serviço do Professor Henri Dejour, em 1994. Quando retornei ao Brasil fui convidado para trabalhar com o Dr. Saggin no IOT Passo Fundo e a partir daí as portas se abriram”, revela.
Atualmente o especialista atua no IOT com o seu filho, que também é ortopedista, Dr. Vinicius Canello Kuhn. “Vivo um momento muito bom no trabalho por conviver com meu filho que espontaneamente quis fazer Medicina, Ortopedia e Cirurgia do Joelho. Dividir o dia a dia e as angústias do trabalho com ele é muito confortante por toda a história de vida para chegar-se a este momento”, frisa.

 

Gostou? Compartilhe