Cuidados com fogos de artifício

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Utilizar suportes para fixar os rojões, não segurar os explosivos com as mãos ou próximos do rosto e comprar produtos legalizados são as dicas do coordenador da Emergência do HSVP e vice-diretor médico, Dr. Júlio Stobbe. Ele salienta que o ideal é não fazer uso dos fogos, mas se necessário, é importante ficar atento as dicas. Entre as consequências provocadas por explosivos, Stobbe salienta lesões em mãos, face e tórax, que podem ser agravadas por diagnósticos de queimaduras, amputações e deformidades, além dos malefícios causados a audição e visão. Nos últimos dois anos, o setor de emergência do HSVP registrou 18 atendimentos por acidentes com fogos de artifício.

Gostou? Compartilhe