Em 2011 eu quero...

Quais são os seus desejos para 2011? Confira o que os passo-fundenses esperam do ano novo

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Texto e fotos: Clarissa Ganzer/ON

Assista os personagens dessa matéria desejando um Feliz Ano Novo.

O ano novo se aproxima e traz com ele expectativas de mudanças, melhorias e o surgimento (ou o desenvolvimento) de metas que devem ser realizadas ao longo de 12 meses.

Objetivos antigos, desejos novos, o tradicional: “saúde, paz e amor”?. Acompanhe com o Jornal O Nacional as aspirações dos passo-fundenses para 2011.
“Que o ano de 2011 seja melhor do que esse. Bastante saúde e paz” – Hortência Oliveira, 57 anos, vendedora autônoma
“Espero que o ano [de 2011] seja melhor que este. Que o sonho de cada um seja realizado”, Ari Bentlin, 59 anos, aposentado
“Saúde, paz, sucesso e novas conquistas”, Liane Bock, 23 anos, auxiliar de contabilidade
“Paz, harmonia. Tendo saúde, o resto a gente consegue. É, e um emprego”, Jéssica da Silva de Oliveira, 17 anos, estudante
“Que [em 2011] melhore mais. Que as coisas fiquem mais baratas. Muitas pessoas não podem colocar uma criança no colégio. Saúde e felicidade”, João Bortoloti Rodrigues, 76 anos, aposentado
“Melhorar. Um dinheirinho extra cairia bem. Namorada sempre. Justiça. Sem violência”, João Vitor Alves Silveira, 14 anos, estudante
“Me livrar das contas. Eu gostaria, em 2011, que a minha família continuasse unida”, Nilza Moreira, 49 anos, dona de casa
“Queria comprar outra máquina de sorvete [para aumentar o meu negócio] e um ponto maior”, João Carlos, 60 anos, vendedor
“É tanta coisa. Tenho quatro filhos e espero conseguir minha casa própria, boas condições de estudos para os meus filhos e ter minha loja”, Magda Eliane Carneiro, 40 anos, artesã
“Espero saúde e paz. Mais consciência do que cada um faz. E que a minha filha nasça com saúde: perfeita e saudável”, Eliane Manfroi, 29 anos, professora

Assista os personagens dessa matéria desejando um Feliz Ano Novo.
Gostou? Compartilhe