Pai e filho diagnosticados com Covid-19 têm alta com um dia de diferença

A doença também acometeu 3 outros familiares

Por
· 1 min de leitura
Foto: Diogo Zanatta/Divulgação Foto: Diogo Zanatta/Divulgação
Foto: Diogo Zanatta/Divulgação
Você prefere ouvir essa matéria?

Não teve bolo, vela, abraços ou brigadeiro. Mas, teve muita emoção, parabéns e um presente especial. Foi assim que, Valdemar Bilhar da Silva celebrou os 60 anos completados na quarta-feira (13) um dia depois de receber alta hospitalar, na terça (12). 

A data também marcou a saída do pai, Francisco Assis Goncalves da Silva, do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) após ambos enfrentaram a Covid-19. “Quero agradecer a Deus e a todos esses profissionais que me cuidaram, sem eles não seria possível vencer. Faço meus 60 anos, muito feliz com essa vitória e alta”, relatou Valdemar. 

Seu Francisco de 85 anos, ao ter alta, celebrou o aniversário do filho, dizendo que o maior presente foi ver o filho tendo alta. “Muito obrigado a todos. Que Deus abençoe todos esses profissionais e que esse vírus não afete mais pessoas. Eu observei como os profissionais também tem muito trabalho para cuidar de nós, por isso a doença tem que parar para que eles também não sofram mais”. 

Além do pai e filho, a covid-19, acometeu a esposa do seu Francisco, que não resistiu à doença, a neta e a bisneta, que não tiveram sintomas agudos e se recuperaram em casa. “Essa doença cruel tem que acabar. Que Deus permita que mais pessoas não passem por isso”, relata Francisco, emocionado.  

Valdemar chegou ao hospital no dia 27 de abril e Francisco dia 29 de abril. Valdemar passou pela Unidade de Tratamento Intensivo e depois pai e filho, ficaram internados no Posto de Internação 10. 


Gostou? Compartilhe