OPINIÃO

Alienação parental

Por
· 2 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Dias destes estava assistindo um filme na netflix sobre uma separação conturbada e a mãe perguntou para a filha de oito anos se ela sentia saudades dos tempos que os pais moravam na mesma casa, mas a menina disse não lembrava. 

Alienação parental II

A mãe não contente, perguntou vários dias seguidos e a menina para parar de ser pressionada, respondeu que sentia saudades e que gostaria que os dois voltassem a morar juntos. 

Alienação III

Com essa ação da mãe a menina começou a rejeitar a madrasta e também com insinuações da mãe procurar reclamar ao pai da sua companheira. Isto é mais comum que possamos imaginar e ocorre com vários personagens da família. 

Alienação IV

Difícil comprovar a alienação e nossa rede de proteção não está preparada para descobrir atos que mostrem ou encaminhem para este ato. Registro isto porque muitos operadores da rede confundem alienação com defesa e preocupação do bem-estar da criança. Isto é tão maléfico que os atos que são considerados de afeto e cuidados, na verdade são torturas psicológicas com as crianças causando danos irreversíveis. 

Sinais fortes

O ambiente escolar é um espaço onde a criança na sua grande maioria tem a proteção de colegas e professores e, por isto, um indicativo de abuso físico, sexual e psicológico diagnosticado neste ambiente deve ser investigado. Desconsiderar este espaço é muitas vezes abrir mão de informações que nos mostram o verdadeiro quadro onde vive a criança. 

Sinais fortes II

Se a criança começar a perder o afeto com genitores ou qualquer membro de suas famílias de uma hora para outra é com certeza motivo forte de efetivamente investigar a alienação parental, pois isto demonstra a campanha de desconstrução das figuras materna ou paterna. 

Sinais Fortes III

Falar mal do pai, mãe, tios, irmãos ou até mesmo dos companheiros dos genitores é alienação e isto não pode ser visto com descaso ou sem importância, pois para nós podem ser atos que sugerem pequenos conflitos, mas os prejuízos causados à criança são graves e o acompanham a vida inteira.

Mão de ferro

Temos com certeza que movimentar leis que sejam rigorosas e punam com muito rigor os alienadores, sejam quem forem, pois isto serve de efeito pedagógico para aqueles que ousam maltratar as crianças para alcançar objetivos escusos. 

Mão de ferro II

Muitas vezes acontece de ser comprovado a alienação e ser amenizado pois os alienadores alegam não conhecer a lei, não saber que aquelas atitudes eram erradas, fizeram para proteger seus filhos ou enteados. Como diz o ditado: “ Conversa para boi dormir”, todos sabem e sabem tudo, mas não levam em consideração pois a impunidade impera neste país. Tem que ser duro, pois quando se é duro, o exemplo fica para os demais.

Eleições 

Aguardem os milagreiros que fazem tudo e prometem tudo e logo depois das eleições desaparecem e alguns eleitores que fazem discursos de leões e lamentavelmente se vendem por cargas de pedras, empregos ou vale gasolina. Triste realidade. 

Eleições II

As eleições são momentos de ouvir propostas, mas principalmente de avaliar a produção dos candidatos nas vidas política e profissional. Hoje temos muitos recursos para avaliar e inclusive cobrar, mas infelizmente vemos que uma parcela dos eleitores não observa isto e acabam elegendo pessoas descomprometidas. Faz parte do processo democrático.


Gostou? Compartilhe