UPF inicia o semestre letivo com atividades em modelo híbrido

Conteúdos teóricos permanecem sendo desenvolvidos na modalidade remota. Já os estágios e conteúdos práticos terão execução presencial, conforme cronograma de atividades a ser apresentado na primeira semana de aula

Por
· 1 min de leitura
Foto: Divulgação/UPFFoto: Divulgação/UPF
Foto: Divulgação/UPF
Você prefere ouvir essa matéria?

Neste novo semestre, que inicia nesta segunda-feira (17), as aulas para os cursos de graduação e de pós-graduação na Universidade de Passo Fundo (UPF) serão desenvolvidas em modelo híbrido, no campus central e também na estrutura multicampi. Neste formato, as disciplinas e conteúdos teóricos permanecem na modalidade de estudo remoto, enquanto que as atividades práticas essenciais são realizadas em aulas presenciais. 

Na primeira semana de aula, os professores apresentarão o plano de trabalho de cada disciplina, detalhando a metodologia das aulas e o cronograma de atividades. Os acadêmicos devem acessar o e-mail institucional, no Ambiente de Apoio ao Ensino (AAE) ou no Aplicativo SOU UPF, para receber as orientações de acesso às aulas. Os estudantes da Medicina têm calendário diferenciado, considerando, ainda, a finalização das atividades do semestre 2020/1. Em caso de dúvida, os coordenadores também estão à disposição para esclarecimentos ou orientações e podem ser contatados pelo e-mail do curso.

A reitora da UPF, Dra. Bernadete Maria Dalmolin, destaca que a Universidade está preparada e planejada para um semestre que inicia de forma híbrida. “Desde os primeiros impactos impostos pelo contexto da pandemia, a Universidade seguiu rigorosamente todas as recomendações dos órgãos oficiais de saúde e do poder público, que regulam a nossa atuação. Respeitamos as orientações, e neste momento, seguiremos com atividades remotas na maioria das disciplinas. O modelo híbrido possibilita que a retomada presencial seja gradual e segura nas aulas práticas”, reforça. 



Gostou? Compartilhe