Atirador mata 27 pessoas nos EUA

Ação de atirador aconteceu em escola primária nos Estados Unidos

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Ao menos 27 pessoas, incluindo 18 crianças, foram mortas por um atirador que abriu fogo nesta sexta-feira em uma escola primária americana, de acordo com a rede americana CBS, que cita autoridades policiais. O ataque ocorreu na escola primária Sandy Hook School, que tem cerca de 600 alunos entre 5 e 10 anos e fica em Newtown, no estado de Connecticut, no Nordeste dos Estados Unidos.

Segundo o tenente Paul Dance, da polícia local, o atirador é um dos mortos e seu corpo ainda está no interior do edifício. Segundo testemunhas, ele entrou na escola vestindo uma farda militar.

O hospital local informou que há várias pessoas internadas, muitas em estado grave. A polícia afirmou que há "muitas vítimas", entre funcionários e alunos. Dance não confirmou o número total de mortos, alegando que todos os familiares das vítimas devem ser alertados primeiro.

A polícia chegou à escola às 9h40 (12h40 no horário de Brasília), pouco depois de ser avisada por telefone do ataque. O local foi imediatamente cercado e bloqueado e todos os sobreviventes foram retirados da escola. Imagens aéreas mostram várias ambulâncias e veículos de resgate ao redor do colégio.

O presidente americano Barack Obama acompanha o caso e expressou suas condolências. A investigação do caso está sendo feita com a participação de diversas agências. A Casa Branca afirmou ter disponibilizado todos os recursos necessários para esclarecer o crime.

Agência Brasil

Gostou? Compartilhe