Imobiliárias investem em promoções para atrair estudantes

Nas redes sociais, os atrativos vão desde meses de internet gratuita até jantar em restaurantes locais

Por
· 3 min de leitura
Imobiliárias buscam atingir universitários que vêm para Passo Fundo para estudar e morarImobiliárias buscam atingir universitários que vêm para Passo Fundo para estudar e morar
Imobiliárias buscam atingir universitários que vêm para Passo Fundo para estudar e morar
Você prefere ouvir essa matéria?

Com foco nos calouros que vêm de outras cidades para estudar e morar em Passo Fundo, as imobiliárias estão investindo em promoções nas redes sociais. As facilidades incluem meses de internet gratuita, sorteio de brindes, cheque no valor do aluguel, contrato sem fiador e até mesmo jantar em restaurantes locais. A ideia de uma das promoções surgiu no ano passado quando o mercado imobiliário estava parado, conforme a gestora do setor de locações da Master Imóveis, Danielle Miranda.

“A gente tem uma ‘safra’, que é como se chama, que são os estudantes e naquele período de recessão estava um pouco calmo [o movimento], então lançamos a campanha para movimentar o mercado. Deu bons resultados. Inclusive, baseado nisso, em novembro do ano passado nós montamos uma segunda campanha com foco nos imóveis comerciais”, explica Danielle. Apesar de o movimento na imobiliária ter aumentado da metade de 2016 para cá, as promoções permanecem. “O primeiro semestre [do ano passado] estava naquela fase política bem complicada, então nós tivemos um aumento bem significativo depois daquele período”.

A gerente de marketing da Botolini Imóveis, Vilmarise Fransceschi, informa que os vestibulares de inverno e de verão são períodos que movimentam as imobiliárias e, em decorrência disso, são realizadas as promoções. “A gente sempre faz campanhas promocionais nos períodos de alta de locação. Geralmente iniciamos com as promoções em dezembro, que duram até março, se dá uma pausa e se volta em junho, com duração até agosto. Este é o nosso período de maior movimentação”, afirma Vilmarise.

O ápice do movimento deste vestibular de inverno ainda não começou, conforme Vilmarise. As listas de aprovados saíram nas últimas semanas e, aos poucos, os estudantes estão se deslocando para procurar e locar imóveis. “O fluxo maior acontece no mês de julho. Já tem procura, a gente recebe muitas mensagem pela página do Facebook da imobiliária com pedidos de informação, além do site. O movimento já é um pouco maior, mas o forte mesmo é no próximo mês. Em agosto ainda tem movimento de quem deixou para última hora”, pontua a gerente de marketing da Botolini Imóveis. O período gera expectativa nas imobiliárias. “Estamos esperançosos com o vestibular de inverno. No início deste mês, do dia 5 até o dia 16, nós fizemos uma campanha nas redes sociais, que era “Alugue sem fiador”. Ela teve bastante efeito e aumentou significativamente a procura pelas locações”, conta Danielle.

Conforme Vilmarise, esses brindes oferecidos pelas imobiliárias são alternativas, mas não costumam ser o fator decisivo para o cliente. “É um extra que a imobiliária busca oferecer para seus clientes porque entende-se que é um público que está vindo de fora e que as vezes não tem nenhuma referência, então a gente sempre tenta oferecer um algo a mais para dar um suporte para quem está chegando. Além de todo o suporte que a imobiliária dá para tornar essa experiência de vida menos traumática”, acrescenta.

Redes sociais

A utilização de redes sociais vem sendo uma importante ferramenta de divulgação dos serviços oferecidos. “A rede social hoje é o principal veículo de comunicação para qualquer empresa. A gente consegue segmentar público, é uma tendência de todos os segmentos, não só do mercado imobiliário. Para o nosso cliente de locação é fundamental, porque não tem quem não esteja no Facebook, no Instagram, etc”, enfatiza a gerente de marketing da Bortolini Imóveis.

A gestora do setor de locações da Master Imóveis salienta que o público jovem, cujas imobiliárias buscam alcançar, possuem um maneira diferente de se comunicar. “É uma ferramenta essencial, principalmente para esse público jovem, então todos os canais digitais são muito bem vindos. Os jovens não têm mais o habito de ligar, de fazer um contato pessoal, então a gente utiliza muito as redes sociais e através dela surgem questionamentos sobre documentação, valores, entre outros”.

Como o intuito é atrair jovens, a Bortolini Imóveis possui um blog e criou uma campanha que presta informações uteis a jovens que nunca moraram sozinhos antes. “A gente criou tutoriais para ensinar a galera como se virar, que estamos publicando no nosso facebook, ensinando coisas básicas do imóvel porque entende-se que muitas dessas pessoas nunca moraram sozinhas na vida. Tem o blog da imobiliária, que vai fazer um ano. Estamos cavando o trabalho da imobiliária, que é o suporte que se dá aos locatários com informação que as pessoas precisam para morar”.   

Gostou? Compartilhe