Morador de Vacaria criava um felino silvestre em casa

A Brigada Militar resgatou e animal e encaminhou para o Grupo de Estudos de Animais Silvestres da Universidade de Passo Fundo

Por
· 1 min de leitura
Divulgação/BMDivulgação/BM
Divulgação/BM
Você prefere ouvir essa matéria?

Um filhote de felino silvestre foi resgatado de um cativeiro pela Brigada Militar na tarde de segunda-feira (14) em Vacaria.

Por volta das 17 horas, após denúncia de populares, policiais militares chegaram até uma residência no bairro Barcelos, onde o animal estava sendo mantido preso.

O autor do delito, um homem de 36 anos, afirmou aos policiais que teria encontrado filhote às margens da BR-116 junto ao corpo de sua mãe morta (vítima de atropelamento) há cerca de trinta de dias, e por não saber para qual órgão encaminhá-lo optou por criá-lo em sua residência. O morador foi autuado na lei de crimes ambientais e responderá processo criminal.

Conforme identificação preliminar do biólogo Fábio Mazin, especialista em felinos, se trata de um filhote de gato-maracajá (Leopardus Wiedii). O felino foi encaminhado pela ONG Amigo do Bicho aos cuidados do Grupo de Estudos de Animais Silvestres – GEAS da Universidade de Passo Fundo.

Gostou? Compartilhe