Filme dirigido por médico passo-fundense tem pré-estreia

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

O filme Encontros em Berlin: Um filme sobre a compaixão, dirigido pelo professor da Universidade de Passo Fundo (UPF) Dr. Jorge Alberto Salton, teve a pré-estreia durante o 50º Congresso Brasileiro de Educação Médica. O evento que aconteceu entre os dias 12 e 15 de outubro reuniu 202 faculdades de medicina do Brasil e integra comemoração dos 100 anos da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP). O filme conta com a participação de médicos, estudantes e atores.

Na presença de professores e estudantes de várias faculdades de medicina do Brasil, o professor Salton discorreu sobre a empatia como um instrumento útil no estabelecimento de sentimentos positivos entre médico e paciente e como um valioso auxiliar para que o médico sinta bem-estar e goste da profissão. “Atualmente no planeta existem em torno de 9,7 milhões de médicos e diferentes pesquisas por amostragem revelam que pelo menos a metade dos médicos não está gostando de seu trabalho”, ressalta. O filme teve o apoio da direção da Faculdade de Medicina e da vice-reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários da UPF, além da direção da Faculdade de Medicina da PUC/RS.

O professor lembra que o longa-metragem Encontros em Berlim terá lançamento oficial no início do próximo ano e passará a ser exibido em várias faculdades, residências, congressos e entidades médica. Este é o quarto filme da série Filmes sobre temas médicos. Os anteriores – Diga Tres, Assim como os pássaros do amanhecer e Ambulatório das falsas crenças - seguem sendo exibidos e discutidos em várias universidades do país.

Gostou? Compartilhe