Passo Fundo contará com Promotoria de Combate à Violência Contra a Mulher

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

O plenário da Assembleia Legislativa aprovou na terça-feira (22), por 47 votos favoráveis e 2 contrários,  a criação de Promotorias de Justiça para atuação específica em casos de violência doméstica e familiar contra a mulher nas comarcas de Caxias do Sul, Passo Fundo, Pelotas, Santa Maria, Canoas, Novo Hamburgo, Rio Grande e São Leopoldo. 

“O Ministério Público tem trabalhado dando relevância e prioridade à matéria de violência doméstica e este projeto vem consolidar o nosso empenho. Assim como a nossa proposição de, na sequência, criar grupos de trabalho e um núcleo de enfrentamento e prevenção a esse tipo de violência”, destaca o procurador-geral de Justiça, Marcelo Lemos Dornelles.

O subprocurador-geral de Justiça para Assuntos Institucionais, Júlio César de Melo, considera a criação dessas promotorias um grande avanço ao MP e à sociedade. “O atendimento especializado em promotorias criadas exclusivamente para o enfrentamento da matéria traz melhores resultados e importam em um melhor acolhimento às vítimas e aos seus familiares”, sublinha o promotor.


Gostou? Compartilhe