Quase metade das cidades com segundo turno adotou Lei Seca

Eleições 2012

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Das 50 cidades que escolhem seus prefeitos neste segundo turno, 23 (46%) adotaram a proibição de venda de bebidas alcoólicas hoje (28). Como o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deixou a cargo dos estados a decisão de aplicar ou não a Lei Seca, em alguns casos, a medida foi determinada pelos juízes eleitorais e em outros, pelas secretarias de Segurança. Em geral, a decisão é a mesma do primeiro turno.

A probibição vale até as 18h de hoje (28) no Acre, onde há segundo turno apenas na capital, Rio Branco; no Amapá, onde somente os eleitores de Macapá estão indo às urnas; no Amazonas, estado com votação apenas em Manaus; no Pará, com segundo turno em Belém

No Ceará, somente os eleitores de Fortaleza votam hoje; na Paraíba, o segundo turno ocorre nas cidades de João Pessoa e Campina Grande; no Piauí, na capital Teresina, única do estado a ter votação hoje e no Rio Grande do Norte, onde só há segundo turno na capital, Natal.

No Paraná, há segundo turno em cinco municípios (Curitiba, Ponta Grossa, Cascavel, Maringá e Londrina) e em Minas Gerais, a votação é nos municípios de Contagem, Juiz de Fora, Montes Claros e Uberaba.

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia, cada município do estado ficou responsável pela decisão sobre a aplicação da Lei Seca. Com isso, em Salvador, não há restrição para a venda de bebidas alcoólicas neste segundo turno, mas em Vitória da Conquista, a comercialização está proibida até as 18h.

Situação semelhante foi verificada no Espírito Santo. Na capital Vitória, não foi implementada a Lei Seca no segundo turno das eleições, mas em Vila Velha, a venda de bebidas está proibida até as 18h deste domingo e em Cariacica até as 17h.

Em Mato Grosso do Sul - onde há segundo turno apenas na capital Campo Grande - a restrição vale até as 19h de hoje e, no Maranhão, com votação apenas em São Luís, até as 21h.

Os estados com votação e que não implementaram a Lei Seca, ou seja, a venda de bebidas alcoólicas está liberada, são: Mato Grosso (Cuiabá), Rio de Janeiro (Belford Roxo, Duque de Caxias, Niterói, Nova Iguaçu, Petrópolis, São Gonçalo e Volta Redonda), Rio Grande do Sul (Pelotas), Rondônia (Porto Velho), Santa Catarina (Blumenau, Florianópolis e Joinville) e São Paulo (Campinas, Diadema, Franca, Guarujá, Guarulhos, Jundiaí, Mauá, Ribeirão Preto, Santo André, São Paulo, Sorocaba e Taubaté).

Com informações da Agência Brasil

Gostou? Compartilhe