Produtores gaúchos planejam safra de trigo

Por
· 2 min de leitura
Foto: ArquivoFoto: Arquivo
Foto: Arquivo
Você prefere ouvir essa matéria?

A cultura do trigo está em entressafra no Rio Grande do Sul. Na Regional da Emater/RS-Ascar de Ijuí, com a aproximação do final da colheita da soja, os produtores se mobilizam para dar prosseguimento ao planejamento da cultura do trigo. De acordo com o Informativo Conjuntural, divulgado nesta quinta-feira (22/04) pela Emater/RS-Ascar, conveniada à Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), a aquisição de insumos e sementes e o encaminhamento de custeios de lavouras estão em ritmo acelerado, principalmente os projetos técnicos para garantir recursos para a safra.

Na Regional de Santa Rosa, além do encaminhamento de projetos de custeio e a aquisição de semente, é trabalhada a correção da fertilidade e acidez do solo, com aplicação de calcários e corretivos, antes de iniciar o plantio das culturas de inverno. Os custos de produção estão elevados, principalmente em função do preço da semente e da adubação, que sofreram consideráveis aumentos. Por um lado, os produtores consideram positivo o fato de o trigo apresentar preço elevado, o que poderá favorecer a expansão da cultura. Por outro, eles ainda estão pesando custos e riscos da implantação das lavouras.

 

SOJA E MILHO

Enquanto planejam a safra do trigo, os produtores gaúchos seguem com a colheita da soja, beneficiados pelo clima favorável, chegando aos 61% de área colhida, com 32% em maturação e 7% em enchimento de grãos. Em muitas propriedades pequenas, a colheita já foi finalizada, com bons resultados.

Na Regional da Emater/RS-Ascar de Bagé, a colheita de lavouras avançou e ultrapassa os 50% da área cultivada. Houve dias em que as precipitações paralisaram a operação, reiniciada assim que as áreas de melhor drenagem apresentaram condições, a fim de aproveitar o alto potencial produtivo e a alta valorização da oleaginosa. As produtividades continuam muito satisfatórias, superando a expectativa inicial na região de Ijuí, onde a colheita da soja chegou a 85% e a média é de 3.798 quilos por hectare.

 

Milho grão - Segue a colheita da cultura das lavouras e atinge 80% da área cultivada no Estado, estando 11% em maturação. Em diversas regiões, a ocorrência de poucos volumes de chuva nas últimas semanas já causa déficit hídrico em lavouras ainda em floração (1%) e enchimento de grãos (8%).

 a Regional de Santa Rosa, a colheita do milho avançou para 85% da área, restando as de safrinha. Nas áreas do milho safra, houve perda 63% de produtividade devido à estiagem de setembro e outubro em relação à média esperada de 8.285 quilos por hectare. A maioria das lavouras de milho safrinha se encontra em formação da espiga/enchimento de grão, apresentando bom potencial produtivo de 6 mil quilos por hectare, apesar do forte ataque de cigarrinha, lagartas, cascudinho e mosca branca; produtores fazem de duas a três aplicações de inseticida. Muitas lavouras que seriam destinadas à produção de grãos apresentam deficiência de crescimento e enchimento de grão, sendo direcionadas para a confecção da silagem, inclusive antecipada, a fim de minimizar as perdas. As chuvas ocorridas durante a semana mantiveram as condições para o desenvolvimento das plantas, e a maioria das lavouras se encaminha para a fase de enchimento dos grãos.


Gostou? Compartilhe